Vacinação COVID-19 - Governo Regional dos Açores

Vacinação COVID-19

na Região Autónoma dos Açores

Situação

a 2021-06-17

Administradas
187 119
1ª dose
109 258
2ª dose
77 861

Preencha o formulário de inscrição se pretender ser vacinado contra a COVID-19 e estiver numa das seguintes situações:

  1. Não inscrito num Centro de Saúde da Região Autónoma dos Açores;
  2. Inscrito num Centro de Saúde da Região Autónoma dos Açores, sem médico de família atribuído;
  3. Inscrito num Centro de Saúde da Região Autónoma dos Açores, com médico de família atribuído, mas seguido apenas por médico de hospital ou de unidade privada de saúde.
Formulário de inscrição

Princípios Orientadores da Vacinação contra a COVID-19

A vacinação contra a COVID-19 é:

  • Universal, ou seja, destina-se a qualquer pessoa presente no arquipélago dos Açores, desde que a vacina esteja clinicamente indicada para essa pessoa;
  • Gratuita para o utilizador, isto é, a vacina não terá custos para a pessoa vacinada;
  • Acessível, qualquer pessoa para quem a vacina esteja clinicamente indicada terá acesso aos pontos de vacinação, de acordo com o seu grau de necessidade / benefício com a vacinação / prioridade;
  • Equitativa, os critérios de acesso à vacina são equitativos dentro do mesmo grupo de necessidade / benefício da vacina;
  • Planeada de acordo com a alocação das vacinas contratadas em Portugal;
  • Administrada faseadamente a grupos prioritários, até qua a população elegível esteja toda vacinada;
  • Administrada no Serviço Regional de Saúde (SRS) através de pontos de vacinação, expansíveis num momento posterior à primeira fase.

Fases e grupos prioritários

Na primeira fase, que decorrerá, previsivelmente, entre dezembro de 2020 e abril de 2021, os grupos prioritários para a vacinação serão os seguintes:

  • Profissionais e utentes das Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas, Casas de Saúde e internados em Cuidados Continuados;
  • Profissionais e utentes dos Lares Residenciais e dos Centros de Atividades Ocupacionais e Equiparados;
  • Os Profissionais de Saúde diretamente envolvidos na prestação de cuidados a doentes;
  • As pessoas com mais de 75 anos;
  • Pessoas de idade ≥50 anos, com pelo menos uma das seguintes patologias:
    • Insuficiência cardíaca;
    • Doença coronária;
    • Insuficiência renal (Taxa de Filtração Glomerular < 60ml/min);
    • (DPOC) ou doença respiratória crónica sob suporte ventilatório e/ou oxigenoterapia de longa duração.
  • Os Bombeiros envolvidos no transporte e assistência a doentes;
  • Os profissionais das Forças Armadas, forças de segurança e serviços críticos;
  • População da ilha do Corvo 1.

Na segunda fase, que decorrerá, previsivelmente, a partir de maio de 2021 2, devem vacinar-se por ordem de prioridade:

  • Pessoas com Trissomia 21, com idade ≥ a 16 anos, que não tenham sido vacinadas na primeira fase;
  • Pessoas com idade entre os 74 e os 60 anos que não tenham sido vacinadas e, simultaneamente, o pessoal docente e não docente de todos os níveis de ensino público e privado da Região Autónoma dos Açores e as pessoas com idades compreendidas entre os 59 e os 16 anos de idade, com pelo menos uma das patologias abaixo identificadas:
    • Doença pulmonar crónica - Doença respiratória crónica sob OLD ou ventiloterapia3, Doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC), Asma grave sob terapêutica com corticoides sistémicos, Bronquiectasias, Fibrose quística, Deficiência de alfa-1-antitripsina, Fibrose pulmonar (incluindo doenças do interstício pulmonar e pneumoconioses);
    • Doença cardiovascular - Insuficiência cardíaca, Miocardiopatias (incluindo cardiopatias congénitas), Hipertensão pulmonar e Cor pulmonale crónico, Doença coronária / Enfarte agudo do miocárdio, Síndrome de Brugada e outras arritmias congénitas, Hipertensão arterial;
    • Doença hepática crónica - Cirrose hepática, Insuficiência hepática crónica;
    • Insuficiência renal crónica - Insuficiência renal em diálise, Insuficiência renal estádio III, IV e V;
    • Diabetes;
    • Obesidade - Obesidade IMC ≥ 35kg/m2;
    • Transplantação - Transplantados e candidatos a transplante de progenitores hematopoiéticos4 (alogénico e autólogo) ou de órgão sólido;
    • Imunossupressão - Asplenia, Asplenia congénita, Depranocitose, Síndromes drepanociticos (Hg S/Hg β; Hg S/Hg C), Talassémia major, VIH/SIDA, Imunodeficiências primárias, Pessoas sob terapêutica crónica com medicamentos biológicos5, ou prednisolona > 20mg/dia, ou equivalente;
    • Neoplasia maligna ativa6 - Neoplasia maligna ativa a fazer ou a aguardar o início de terapêutica antineoplásica sistémica (citotóxicos, imunomoduladores, antihormonas ou terapêuticas dirigidas a alvos moleculares tumorais) e/ou radioterapia;
    • Doenças neurológicas7 - Esclerose lateral amiotrófica e outras doenças do neurónio motor, Paralisia cerebral e outras condições semelhantes, Doenças neuromusculares (incluindo, atrofias musculares congénitas), Epilepsia refratária;
    • Doenças mentais - Esquizofrenia, Doença bipolar grave e outras perturbações graves do espectro da esquizofrenia (psicoses);
    • Outras doenças - Doenças lisossomais.
  • As pessoas com idades compreendias entre os 59 e os 16 anos de idade, por faixas etárias decrescentes, que ainda não tenham sido vacinadas;
  • A vacinação de pessoas com patologias de risco identificadas acima deve ser efetuada, preferencialmente, por faixas etárias decrescentes, sem prejuízo da vacinação em contextos específicos, como medida de saúde pública.

Durante a Fase 2, as pessoas que recuperaram de infeção por SARS-CoV-2, há, pelo menos, 6 meses podem ser vacinas contra a COVID-198, de acordo com o grupo prioritário ou a faixa etária a que pertencem.


1 Situação excecional no âmbito do Plano de Vacinação contra a COVID-19 na Região Autónoma dos Açores, atendendo a questões logísticas e questões relacionados com os parcos recursos de saúde da ilha do Corvo.

2 Esta data é indicativa do início da segunda fase de vacinação para todas as ilhas, não sendo impeditivo que algum Concelho/Ilha possa iniciar esta fase de forma mais precoce.

3 Excluindo as pessoas com Síndrome de Apneia/Hipopneia Obstrutiva do Sono.

4 As pessoas com história de transplante de progenitores hematopoiéticos (alogénico ou antólogo) devem ser vacinadas após, pelo menos, 6 meses de transplantação.

5 Incluindo, entre outros, anti-TNF-alfa, alemtuzumab, rituximab, ocrelizumab. Nestes casos a vacinação deve ser realizada, preferencialmente antes do início do tratamento, e de acordo com as precauções e circunstâncias especiais definidas nas circulares normativas da DRS para as Vacinas contra a COVID-19.

6 Nenhum tratamento oncológico, se imprescindível, deve ser adiado até à vacinação contra a COVID-19, sem prejuízo da vacinação dever ser realizada, preferencialmente, antes do início do tratamento oncológico.

7 As síndromes demenciais e parkinsónicos, bem como a patologia cerebrovascular, considerando a sua distribuição etária na população, não foram priorizados neste grupo, dado que é expectável a vacinação atempada destas pessoas, por faixas etárias decrescentes na Fase 2.

8 De acordo com o European Centre for Disease Control (ECDC. Reinfection with SARS-CoV-2. 8 April 2021), o efeito protetor de uma infeção prévia por SARS-CoV-2 foi demonstrado em vários estudos por um período que pode atingir mais de 8/10 meses. Por outro lado, os dados disponíveis até à data sugerem que as reinfeções por SARS-CoV-2 são muito raras. Não existem ainda dados suficientes para concluir que a imunidade protetora (quer por anticorpos, quer por mecanismos celulares) é mantida após períodos mais longos. Assim, com a confirmação do aumento da disponibilidade de vacinas contra a COVID-19 na RAA, considera-se existir um benefício potencial na vacinação das pessoas que recuperaram desta infeção.

Informações técnicas

Circulares Normativas

Plano Regional de Vacinação contra a COVID-19 da Região Autónoma dos Açores

Circular Normativa nº 49E, de 4 de maio de 2021

Anexo - Circular Normativa nº 49E, de 4 de maio de 2021


Campanha de Vacinação contra a COVID-19 - Vacina VAXZEVRIA (anteriormente designada COVID-19 Vaccine AstraZeneca®)

Circular Normativa nº 4D, de 1 de junho de 2021


Campanha de Vacinação contra a COVID-19 - Vacina COMIRNATY®

Circular Normativa n.º 48A, de 4 de março de 2021


Campanha de Vacinação contra a COVID-19 - Vacina MODERNA®

Circular Normativa n.º 13, de 5 de maio de 2021


Campanha de Vacinação contra a COVID-19 - Vacina Janssen®

Circular Normativa n.º 12A, de 11 de junho de 2021


Circulares Informativas

Esclarecimentos – Plano Regional de vacinação contra a COVID-19 – Atualização da Declaração Médica 2ª Fase

Circular Informativo nº 27A, de 28 de maio de 2021


Esclarecimentos – Plano Regional de vacinação contra a COVID-19 – Declaração médica

Circular Informativa nº 10, de 26 de fevereiro de 2021


Plano Regional de Vacinação contra a Covid-19 na Região Autónoma dos Açores – Vacinação de Profissionais

Circular Informativa nº 01, de 15 de janeiro de 2021


Administração por Ilha

Ilha 1ª dose 2ª dose Total
Santa Maria 4 293 1 962 6 255
São Miguel 54 644 40 137 94 781
Terceira 22 497 15 243 37 740
Graciosa 3 030 1 878 4 908
São Jorge 6 413 4 281 10 694
Pico 8 575 7 200 15 775
Faial 7 155 5 414 12 569
Flores 2 323 1 418 3 741
Corvo 328 328 656