Vacinação COVID-19 - Governo Regional dos Açores

Vacinação COVID-19

na Região Autónoma dos Açores

Situação

a 2021-11-22

Administradas
370 974
1ª dose
175 199
Completa
195 775
Reforço
9 095

Preencha o formulário de inscrição se pretender ser vacinado contra a COVID-19 e estiver numa das seguintes situações:

  1. Não inscrito num Centro de Saúde da Região Autónoma dos Açores;
  2. Inscrito num Centro de Saúde da Região Autónoma dos Açores, sem médico de família atribuído;
  3. Inscrito num Centro de Saúde da Região Autónoma dos Açores, com médico de família atribuído, mas seguido apenas por médico de hospital ou de unidade privada de saúde;
  4. Estudante deslocado ou que irá iniciar estudos fora da Região Autónoma dos Açores no próximo ano letivo.
Formulário de inscrição

Princípios Orientadores da Vacinação contra a COVID-19

A vacinação contra a COVID-19 é:

  • Universal, ou seja, destina-se a qualquer pessoa presente no arquipélago dos Açores, desde que a vacina esteja clinicamente indicada para essa pessoa;
  • Gratuita para o utilizador, isto é, a vacina não terá custos para a pessoa vacinada;
  • Acessível, qualquer pessoa para quem a vacina esteja clinicamente indicada terá acesso aos pontos de vacinação, de acordo com o seu grau de necessidade / benefício com a vacinação / prioridade;
  • Equitativa, os critérios de acesso à vacina são equitativos dentro do mesmo grupo de necessidade / benefício da vacina;
  • Planeada de acordo com a alocação das vacinas contratadas em Portugal;
  • Administrada faseadamente a grupos prioritários, até qua a população elegível esteja toda vacinada;
  • Administrada no Serviço Regional de Saúde (SRS) através de pontos de vacinação, expansíveis num momento posterior à primeira fase.

Fases e grupos prioritários

Na primeira fase, que decorrerá, previsivelmente, entre dezembro de 2020 e abril de 2021, os grupos prioritários para a vacinação serão os seguintes:

  • Profissionais e utentes das Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas, Casas de Saúde e internados em Cuidados Continuados;
  • Profissionais e utentes dos Lares Residenciais e dos Centros de Atividades Ocupacionais e Equiparados;
  • Os Profissionais de Saúde diretamente envolvidos na prestação de cuidados a doentes;
  • As pessoas com mais de 75 anos;
  • Pessoas de idade ≥50 anos, com pelo menos uma das seguintes patologias:
    • Insuficiência cardíaca;
    • Doença coronária;
    • Insuficiência renal (Taxa de Filtração Glomerular < 60ml/min);
    • (DPOC) ou doença respiratória crónica sob suporte ventilatório e/ou oxigenoterapia de longa duração.
  • Os Bombeiros envolvidos no transporte e assistência a doentes;
  • Os profissionais das Forças Armadas, forças de segurança e serviços críticos;
  • População da ilha do Corvo 1.

Na segunda fase, que decorrerá, previsivelmente, a partir de maio de 2021 2, devem vacinar-se por ordem de prioridade:

  • Pessoas com Trissomia 21, com idade ≥ a 16 anos, que não tenham sido vacinadas na primeira fase;
  • Pessoas com idade entre os 74 e os 60 anos que não tenham sido vacinadas e, simultaneamente, o pessoal docente e não docente de todos os níveis de ensino público e privado da Região Autónoma dos Açores e as pessoas com idades compreendidas entre os 59 e os 16 anos de idade, com pelo menos uma das patologias abaixo identificadas:
    • Doença pulmonar crónica - Doença respiratória crónica sob OLD ou ventiloterapia3, Doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC), Asma grave sob terapêutica com corticoides sistémicos, Bronquiectasias, Fibrose quística, Deficiência de alfa-1-antitripsina, Fibrose pulmonar (incluindo doenças do interstício pulmonar e pneumoconioses);
    • Doença cardiovascular - Insuficiência cardíaca, Miocardiopatias (incluindo cardiopatias congénitas), Hipertensão pulmonar e Cor pulmonale crónico, Doença coronária / Enfarte agudo do miocárdio, Síndrome de Brugada e outras arritmias congénitas, Hipertensão arterial;
    • Doença hepática crónica - Cirrose hepática, Insuficiência hepática crónica;
    • Insuficiência renal crónica - Insuficiência renal em diálise, Insuficiência renal estádio III, IV e V;
    • Diabetes;
    • Obesidade - Obesidade IMC ≥ 35kg/m2;
    • Transplantação - Transplantados e candidatos a transplante de progenitores hematopoiéticos4 (alogénico e autólogo) ou de órgão sólido;
    • Imunossupressão - Asplenia, Asplenia congénita, Depranocitose, Síndromes drepanociticos (Hg S/Hg β; Hg S/Hg C), Talassémia major, VIH/SIDA, Imunodeficiências primárias, Pessoas sob terapêutica crónica com medicamentos biológicos5, ou prednisolona > 20mg/dia, ou equivalente;
    • Neoplasia maligna ativa6 - Neoplasia maligna ativa a fazer ou a aguardar o início de terapêutica antineoplásica sistémica (citotóxicos, imunomoduladores, antihormonas ou terapêuticas dirigidas a alvos moleculares tumorais) e/ou radioterapia;
    • Doenças neurológicas7 - Esclerose lateral amiotrófica e outras doenças do neurónio motor, Paralisia cerebral e outras condições semelhantes, Doenças neuromusculares (incluindo, atrofias musculares congénitas), Epilepsia refratária;
    • Doenças mentais - Esquizofrenia, Doença bipolar grave e outras perturbações graves do espectro da esquizofrenia (psicoses);
    • Outras doenças - Doenças lisossomais.
  • As pessoas com idades compreendias entre os 59 e os 16 anos de idade, por faixas etárias decrescentes, que ainda não tenham sido vacinadas;
  • A vacinação de pessoas com patologias de risco identificadas acima deve ser efetuada, preferencialmente, por faixas etárias decrescentes, sem prejuízo da vacinação em contextos específicos, como medida de saúde pública.

Durante a Fase 2, as pessoas que recuperaram de infeção por SARS-CoV-2, há, pelo menos, 6 meses podem ser vacinas contra a COVID-198, de acordo com o grupo prioritário ou a faixa etária a que pertencem.


1 Situação excecional no âmbito do Plano de Vacinação contra a COVID-19 na Região Autónoma dos Açores, atendendo a questões logísticas e questões relacionados com os parcos recursos de saúde da ilha do Corvo.

2 Esta data é indicativa do início da segunda fase de vacinação para todas as ilhas, não sendo impeditivo que algum Concelho/Ilha possa iniciar esta fase de forma mais precoce.

3 Excluindo as pessoas com Síndrome de Apneia/Hipopneia Obstrutiva do Sono.

4 As pessoas com história de transplante de progenitores hematopoiéticos (alogénico ou antólogo) devem ser vacinadas após, pelo menos, 6 meses de transplantação.

5 Incluindo, entre outros, anti-TNF-alfa, alemtuzumab, rituximab, ocrelizumab. Nestes casos a vacinação deve ser realizada, preferencialmente antes do início do tratamento, e de acordo com as precauções e circunstâncias especiais definidas nas circulares normativas da DRS para as Vacinas contra a COVID-19.

6 Nenhum tratamento oncológico, se imprescindível, deve ser adiado até à vacinação contra a COVID-19, sem prejuízo da vacinação dever ser realizada, preferencialmente, antes do início do tratamento oncológico.

7 As síndromes demenciais e parkinsónicos, bem como a patologia cerebrovascular, considerando a sua distribuição etária na população, não foram priorizados neste grupo, dado que é expectável a vacinação atempada destas pessoas, por faixas etárias decrescentes na Fase 2.

8 De acordo com o European Centre for Disease Control (ECDC. Reinfection with SARS-CoV-2. 8 April 2021), o efeito protetor de uma infeção prévia por SARS-CoV-2 foi demonstrado em vários estudos por um período que pode atingir mais de 8/10 meses. Por outro lado, os dados disponíveis até à data sugerem que as reinfeções por SARS-CoV-2 são muito raras. Não existem ainda dados suficientes para concluir que a imunidade protetora (quer por anticorpos, quer por mecanismos celulares) é mantida após períodos mais longos. Assim, com a confirmação do aumento da disponibilidade de vacinas contra a COVID-19 na RAA, considera-se existir um benefício potencial na vacinação das pessoas que recuperaram desta infeção.

Informações técnicas

Circulares Normativas

Plano Regional de Vacinação contra a COVID-19 da Região Autónoma dos Açores

Circular Normativa nº 49L, de 14 de outubro de 2021

Anexo - Circular Normativa nº 49L, de 14 de outubro de 2021


Campanha de Vacinação contra a COVID-19 - Vacina VAXZEVRIA (anteriormente designada COVID-19 Vaccine AstraZeneca®)

Circular Normativa nº 4E, de 22 de junho de 2021


Campanha de Vacinação contra a COVID-19 - Vacina COMIRNATY®

Circular Normativa n.º 48A, de 4 de março de 2021


Campanha de Vacinação contra a COVID-19 - Vacina MODERNA®

Circular Normativa n.º 13, de 5 de maio de 2021


Campanha de Vacinação contra a COVID-19 - Vacina Janssen®

Circular Normativa n.º 12A, de 11 de junho de 2021


Circulares Informativas

Esclarecimentos – Plano Regional de Vacinação contra a Covid -19 – Vacinação dos estudantes deslocados ou que irão iniciar estudos fora da Região Autónoma dos Açores no próximo ano letivo

Circular Informativa n.º 47, de 14 de julho de 2021


Esclarecimentos – Plano Regional de vacinação contra a COVID-19 – Atualização da Declaração Médica 2ª Fase

Circular Informativo nº 27A, de 28 de maio de 2021


Esclarecimentos – Plano Regional de vacinação contra a COVID-19 – Declaração médica

Circular Informativa nº 10, de 26 de fevereiro de 2021


Plano Regional de Vacinação contra a Covid-19 na Região Autónoma dos Açores – Vacinação de Profissionais

Circular Informativa nº 01, de 15 de janeiro de 2021


Administração por Ilha

Ilha 1ª dose Completa Reforço Total
Santa Maria 4 776 4 651 701 9 427
São Miguel 91 893 109 741 4 168 201 634
Terceira 40 910 44 581 1 532 85 491
Graciosa 3 490 3 430 262 6 920
São Jorge 7 150 6 960 291 14 110
Pico 12 007 11 754 1 140 23 761
Faial 11 966 11 731 615 23 697
Flores 2 645 2 567 259 5 212
Corvo 362 360 127 722